A segunda sessão do ciclo de seminários “Setúbal, Cidade Educadora: transformar o território com as pessoas”, com o tema “Cidadania e Liberdade”, agendada para 6 de abril em formato digital, tem inscrições a decorrer online.

O encontro, com início a partir das 18h00, é de participação gratuita e as inscrições devem ser feitas pelo preenchimento de um formulário disponível no link https://bit.ly/3d13Fcu. Posteriormente, são enviadas aos inscritos as credenciais de acesso à participação online no seminário.

Este ciclo, organizado pela Câmara Municipal de Setúbal, surge na sequência de o habitual painel “Caminhos que se trilham: experiências locais de sucesso”, integrado no programa da Conferência Anual de Educação de Setúbal, realizada em setembro de 2020, não ter decorrido no formato habitual, devido às restrições no âmbito da mitigação da pandemia de Covid-19.

Com o objetivo de dar continuidade à promoção de um espaço de encontro, reflexão e capacitação da comunidade educativa, a autarquia decidiu organizar um ciclo de seminários, designado de “Setúbal, Cidade Educadora: transformar o território com as pessoas”, com transmissão online pelo canal de Youtube do município.

Após um primeiro seminário, realizado a 2 de dezembro do ano passado, o segundo encontro, no dia 6 de abril, reflete sobre o tema “Cidadania e Liberdade”.

O vereador da Educação da Câmara Municipal, Ricardo Oliveira, conduz a sessão de abertura, marcada para as 18h00, a que se segue, a partir das 18h15, a mesa-redonda “Transformar o território com as pessoas – Cidadania e Liberdade”, moderada por Ricardo Oliveira.

Nesta mesa-redonda, Cristina Roldão e Ana Alcântara, professoras da Escola Superior de Educação de Setúbal, partilham uma apresentação sobre a “Presença Negra em Setúbal: Um Roteiro Antirracista, e Manuel Correia, do Instituto das Comunidades Educativas, fala sobre o tema “Crianças e Jovens: Conhecer e Participar para a Democracia”.

Já a chefe da Divisão de Juventude da Câmara Municipal de Setúbal, Cátia Oliveira, aborda a experiência da autarquia na promoção do projeto “Ciclo de Debates”, destinado à reflexão sobre vários temas que preocupam os jovens.