O Campo Pequeno, em Lisboa, e o Pavilhão Rosa Mota, no Porto, vão acolher, em simultâneo, 40 espetáculos de artistas portugueses, de música mas também humoristas, entre 31 de outubro e 19 de dezembro.

A iniciativa “20 20 Cultura para Todos”, que envolve a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa e as promotoras Everything is New e PEV Entertainment, inclui “um total de 40 espetáculos, com início a 31 de outubro e fim a 19 de dezembro” e “tem como objetivo a retoma e o incentivo à cultura em Portugal”, segundo a organização, num comunicado divulgado.

Plutónio e os Xutos & Pontapés foram os artistas escolhidos para darem o ‘pontapé de saída’ do “2020 Cultura para todos”, no dia 31 de outubro, em Lisboa e no Porto, respetivamente.

O cartaz “100% português, com artistas altamente reconhecidos”, inclui, entre outros, Branko, Camané e Mário Laginha, Dino D’Santiago e Richie Campbell e os humoristas César Mourão e Fernando Rocha.

Esta iniciativa “surge numa altura em que o meio artístico e todas as atividades que gravitam em torno deste meio passam por momentos difíceis, sendo este (trazer a cultura ao quotidiano) o objetivo central do projeto”.

“Em exclusivo para os espetáculos da região de Lisboa, a Câmara Municipal de Lisboa/EGEAC participam com um financiamento num formato de coprodução, sendo o seu principal intuito apoiar a contratação de serviços de som, luz e palco. O mesmo acontece com o financiamento vindo da Câmara Municipal do Porto, uma presença que se destina unicamente aos espetáculos da região norte, como forma de ajudar a suportar todos os custos técnicos implícitos em cada espetáculo”.

A organização garante em todos os espetáculos um “cumprimento rigoroso das normas impostas pela DGS – Direção Geral da Saúde”.

https://everythingisnew.pt/santa-casa-portugal-ao-vivo-campo-pequeno

Texto: Liliana Teixeira Lopes | WebSite: www.oxigenio.fm