A superlua é um fenómeno cíclico, que só voltará a repetir-se no dia 9 de março do próximo ano. A melhor altura para a observar é quando ela aparecer no horizonte.

Maior e mais brilhante do que o habitual. É assim que vai poder observar a Lua nesta quarta-feira à noite, naquela que é a terceira e última superlua de 2019. Um fenómeno que coincide com o equinócio da primavera, que começa nesta quarta-feira, às 21.58 (hora de Lisboa), no hemisfério norte.

“Esta superlua é provocada pela ocorrência simultânea da fase de lua cheia e da presença da Lua no perigeu (ponto da órbita da Lua, em que esta se encontra mais próxima da Terra). O instante da fase de lua cheia ocorrerá no dia 21 de março às 01.43”, segundo a informação disponível no site do Observatório Astronómico de Lisboa.

A melhor ocasião para observar esta superlua é, de acordo com o OAL, o momento em que ela aparece no horizonte, ou seja, nesta quarta-feira, em Lisboa, pelas 18.17, no Porto pelas 18.13, no Funchal pelas 18.53 e em Ponta Delgada às 18.27. Uma observação que será facilitada pelas condições meteorológicas, já que, de acordo com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), as previsões apontam para céu limpo em todo o país.

Fonte: DN