Lisboa e Vale do Tejo (LVT) registou 77% dos novos casos de covid-19, concentrando 225 das 292 novas infeções, segundo o boletim da situação epidemiológica em Portugal divulgado hoje pela Direção-Geral da Saúde (DGS).

Na região de saúde LVT foram detetados no sábado mais 225 novos casos, 77% do total, na do Centro 25 novos casos (8,5% do total), na do Algarve mais 22 casos (7,5%), na do Alentejo mais 11 casos (3,7%) e na do Norte sete (2,3%).

No boletim de hoje está ainda atribuído um caso a cada uma das regiões autónomas da Madeira e dos Açores (com o valor residual de 0,3% cada).

Relativamente aos óbitos, foram hoje divulgadas duas mortes, uma em LVT e outra no Centro.

LVT tinha 74,8% do total de novas infeções divulgadas no sábado, 76% dos novos casos divulgados na sexta-feira e na quinta-feira tinha concentrado 78% das novas infeções.

Em termos totais, o Norte tem agora um total de 17.249 casos, LVT 16.762, o Centro 3.991, o Algarve 521 e o Alentejo 374.

Na Madeira e nos Açores, o total acumulado de infeções é hoje de 92 e de 144 infetados, respetivamente.

Lisboa continua a ser o concelho com mais casos, estando agora com um total de 3.135 (mais 39 do que na véspera), enquanto o concelho de Sintra passou hoje para 2.253 (+26).

Ainda na Área Metropolitana de Lisboa, Loures tem 1.623 (+19) casos, a Amadora está com 1.428 (+23), Odivelas com 881 (+7), Cascais com 791 (+12), Vila Franca de Xira com 646 (+10), Oeiras com 635 (+24), Almada com 538 (+5) e o Seixal com 535 (+5).

Os números totais atribuídos aos concelhos com mais casos no Norte do país foram de novo hoje alterados no Boletim da DGS, depois de no boletim de sábado terem sido revistos em baixa.

O Porto voltou a ter o mesmo número de casos que tinha na sexta-feira, com 1.414 casos, o mesmo sucedendo com Matosinhos, com 1.292, e com Braga, com 1.256.

No boletim de sábado, o Porto constava com apenas 1.363 (menos 51), Matosinhos apresentava 1.279 (-13) e Braga 1.238 casos atribuídos (-18).

Gondomar, que na sexta-feira tinha 1.098 casos atribuídos e no sábado recuou para 1.081 no boletim da DGS, tem hoje um total de 1.093.

Vila Nova de Gaia mantém hoje o mesmo número total de 1.611 casos referidos no boletim divulgado no sábado.

A Direção-Geral da Saúde realça que os números apresentados referem-se ao total de notificações médicas no sistema SINAVE (excluindo notificações laboratoriais), pelo que podem “não corresponder à totalidade dos casos por concelho”.

Os dados da DGS indicam 1.530 mortes relacionadas com a covid-19 e 39.133 casos confirmados desde o início da pandemia.

Em comparação com os dados de sábado, hoje constatou-se um aumento de óbitos de 0,13%. Já os casos de infeção subiram 0,75%.