A Estratégia Municipal para uma Mobilidade Segura e Sustentável para Todos nas Zonas Balneares de Setúbal em 2019, com restrições destinadas a garantir fluidez de trânsito e segurança no acesso às praias, foi aprovada ontem em reunião pública da autarquia.

Esta estratégia de mobilidade segura e sustentável, implementada pela primeira vez pela Câmara Municipal de Setúbal no verão de 2018, está este ano em vigor durante toda a época balnear, entre 15 de junho e 15 de setembro.

Uma das medidas com vista ao reforço da segurança rodoviária e acessibilidades mantém a interdição total da circulação automóvel nos dois sentidos de trânsito entre os parques de estacionamento da Figueirinha e do Creiro.

Esta opção garante a possibilidade de deslocação em modos suaves de forma segura, permite o livre acesso ao socorro e garante a fluidez de circulação dos transportes coletivos.

Neste troço, a circulação apenas é permitida, entre as 08h00 e as 20h00, a veículos autorizados, de duas rodas, transportes públicos regulares, táxis e similares, autoridades e viaturas de emergência.

Interdito ao trânsito automóvel, neste caso entre as 08h00 e as 19h00, está também o troço a partir do cruzamento de acesso ao Portinho da Arrábida, sendo, contudo, permitida a inversão de marcha junto da Casa do Gaiato, quando esgotada a capacidade da bolsa de estacionamento do Portinho, a qual disponibiliza uma zona para tomada e largada de passageiros.

Os moradores, os concessionários e os comerciantes podem requerer à Câmara Municipal de Setúbal cartões de circulação autorizada para o troço compreendido entre a Casa do Gaiato e o Portinho da Arrábida.

A circulação de automóveis ligeiros é também condicionada no acesso à Praia de Albarquel, entre as 09h00 e as 18h00, quando esgotada a capacidade do parque de estacionamento existente.

Ao longo da EN379-1, entre a interseção para o Hospital do Outão e após o parque de estacionamento da Figueirinha, e, este ano, também entre o Creiro e o Portinho da Arrábida, são colocadas barreiras físicas nas bermas da estrada de forma a impedir o estacionamento abusivo.

A melhoria da disponibilidade de transportes públicos a preços acessíveis e a utilização de estacionamentos de retaguarda estão igualmente contempladas na Estratégia Municipal para uma Mobilidade Segura e Sustentável para Todos nas Zonas Balneares de Setúbal em 2019.

Neste sentido, é dada continuidade à aposta de deslocação de pessoas para as praias através de transportes públicos coletivos, com ligações a partir de Setúbal e de Azeitão.

Para a Figueirinha, com origem em Setúbal, são asseguradas ligações diretas por autocarro a partir das estações rodoviária e ferroviária, bem como a partir do Alegro Setúbal, enquanto para a Praia de Albarquel há uma carreira com partida na Avenida Luísa Todi, defronte da Casa da Baía.

Para garantir o acesso às praias no troço cortado ao trânsito automóvel individual, é mantido o serviço de vaivém gratuito entre a Figueirinha e o Creiro, que inclui paragens em Galapos e Galapinhos, com frequência de vinte em vinte minutos, a funcionar das 09h00 às 19h30.

Para o Creiro há ainda uma carreira direta a partir de Brejos de Azeitão.

Em todas as carreiras são válidas as diferentes modalidades do Passe Único Navegante. Já as tarifas de bordo, que diferem consoante o destino escolhido, não sofrem quaisquer alterações em relação aos preços praticados no ano transato.

Nesta matéria, destaque ainda para o reforço da sinalização informativa no atual interface de transportes coletivos instalado na Praia da Figueirinha, que é beneficiado com a instalação de uma estrutura de ensombramento.

No que respeita a parques de estacionamento automóvel, são mantidas as bolsas existentes em Albarquel, na Figueirinha, no Creiro e no Portinho da Arrábida, bem como na Secil, a partir do qual há um transporte vaivém, com uma frequência de vinte em vinte minutos, por um euro, até à Figueirinha.

Na Figueirinha, não estando finalizada a desafetação dominial formal da EN379-1 para a gestão municipal, não foi possível proceder à reconfiguração do acesso à praia, a concretizar com a implantação de uma rotunda.

Quando possível, a solução vai permitir a deslocalização do interface de transportes públicos para o patamar superior e libertar a frente de mar que, desta maneira, fica disponível para a criação de um nova bolsa de estacionamento automóvel.

Desta forma, mantém-se a atual zona de estacionamento com 273 lugares, com tarifas aplicadas de acordo com as épocas baixa, de 1 a 30 de junho e de 1 a 30 de setembro, e alta, de 1 de julho a 31 de agosto.

O parque de estacionamento do Creiro, que passa a ser gerido pela Câmara Municipal de Setúbal e pela Associação Baía de Setúbal, tem uma tarifa diária única de quatro euros, valor igual ao do ano passado e definido pelo Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas.

O parque da Secil mantém o modelo de gestão do ano anterior, enquanto as zonas de parqueamento automóvel de Albarquel e do Portinho da Arrábida passam a ter regulação local e conforme o número de lugares disponíveis a cada momento.

A Estratégia Municipal para uma Mobilidade Segura e Sustentável para Todos nas Zonas Balneares de Setúbal em 2019 contempla ainda um conjunto de beneficiações para usufruto de todos.

No âmbito da promoção dos modos suaves de acesso às praias, está em fase de conclusão a implementação da ligação pedonal entre o extremo poente do Parque Urbano de Albarquel e a Praia da Albarquel.

Ao nível das condições de higiene, são disponibilizadas casas de banho públicas provisórias nas praias de Albarquel, Figueirinha, Galapos e Creiro.

Nesta matéria, destaque para a conclusão do processo de saneamento básico na Praia de Albarquel, enquanto para Galapos está em fase de elaboração de projeto de execução que visa dotar aquela zona balnear destas infraestruturas básicas.